Total de visualizações de página

Postagens populares

segunda-feira, 13 de junho de 2011

distancia

É possível manter uma isenção completa sobre algum assunto a ponto de sermos verdadeiramente equânimes ou isso dá-se no campo teórico apenas. Que parâmetros usou doutora celeste para referir-se tão criticamente àquela encenação d'A pena e a lei. Ainda hoje fico na dúvida se ela se referia ao pífio texto de A. Suassuna ou quiçá às pobres condições do teatro municipal de Santos (cidade situada no arredores de SÃO VICENTE). Pois o resto beirava a perfeição, refiro-me às atuações, pois a direção sem dúvidas era perfeita.



SANTA INJUSTIÇA

6 comentários:

Ranzinza disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ranzinza disse...

Memorioso fostes magnífico, perfeito em vossa colocação!
Nada mais tenho a declarar.
Fostes sucinto.

vladéfoda disse...

só posso crer que era inveja

Silvio Barreto de Almeida Castro disse...

Felizmente liberta da Capitania aos 26 de janeiro de 1839, data glorificada da entrada na civilização.

Ranzinza disse...

Menos,menos...

Silvio Barreto de Almeida Castro disse...

Menos? Martim Afonso preferiu ir para as Índias a ficar contando galinhas com João Ramalho, Tibiriçá, Bartira e o Bacharél...